A Alma de Poeta de Esso Alencar

22/04/2009 at 07:45 Deixe um comentário

“Poetizar o cotidiano” é o fio condutor do projeto “Alma de Poeta” do cantor/compositor Esso Alencar aprovado no Pixinguinha. O edital contempla três concertos e a gravação do disco – homônimo do projeto – que teve seu pontapé inicial na última semana e deverá ser concluída até o final de maio.

As linhas delicadas da poesia e o cotidiano em sua forma bruta interessam ao cantor/compositor Esso. Nesse tracejar de sentidos, ele foi aprovado com seu trabalho “Alma de Poeta” no projeto Pixinguinha, um dos mais respeitados da Música Brasileira. Existente há três décadas foi responsável por lançar nacionalmente músicos como Zé Ramalho, Adriana Calcanhotto e Fátima Guedes.

Alma de Poeta é o encontro de textos de autores nacionais e potiguares tendo como vestido as linhas melódicas do compositor e suas influências. No disco e nos três concertos contemplados no projeto, terão 12 canções com a poesia de Iracema Macedo, Dão Sales, Civone, Fátima Oliveira, Franklin Mário, Ivanilton Ramos e do próprio Esso em parceria com Waldenor, seu companheiro da extinta banda “Os Quatro”. “A idéia do projeto teve como semente um concerto que organizei no jardim do Centro Cultural São Paulo em 2003, quando diferentes músicos e poetas como Pedro Osmar e Celso de Alencar se encontraram num único desejo de dizer poesias envolvidas com música. Logo depois disso, eu comecei a ministrar oficinas com este mesmo título “Alma de Poeta” neste mesmo Centro Cultural e o desejo era poetizar o cotidiano das pessoas. Tornar a poesia além da escuta, poetizando o dia-a-dia”, contou o compositor.

Para a composição do edital do Pixinguinha Esso utilizou suas inspirações e concretizações e deu vida ao experimento. “Para chegar ao repertório foi simples, pois eu já era muito apaixonado por cada letra envolvida no projeto”, lembra. As canções começaram a ser gravadas no estúdio Ícone na última semana e já começa a tomar corpo e coração. As canções envolvem diferentes olhares sobre a existência como “Caravana em Travessia”, de Esso. “Essa letra faz referência a minha própria terra, com memórias de infância e outros momentos”. Seguido de Travessia, estarão no disco os poemas/canções “Farra Sertaneja” (Dão Sales), “Chão de Casa” (Fátima Oliveira), “Cantilena ao Sereno” (Civone), “Saudade Molhada” (Ivanilton Ramos), “As Mulheres” (Franklin Mário), “Arremedo” (Iracema Macedo), “Senhor dos Olhos” (Waldenor e Esso), “Sacramento” (Anand Manu), entre outras.

Daqui para frente serão três meses de trabalho envolvendo produção do disco e três concertos que acontecerão em Natal e em outras duas cidades a serem escolhidas.

Para conhecer melhor o trabalho de Esso Alencar:

www.sitiodoesso.com
www.myspace.com/essoa
www.youtube.com/felprodarte

Esso Alencar em processo de criação

Entry filed under: Sem categoria. Tags: , , , , .

Abriu! De Malas Prontas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed



%d bloggers like this: